segunda-feira, 22 de junho de 2015

IVONE SOBRE O PAGAMENTO DO 13º SALÁRIO: “É FALTA DE PLANEJAMENTO DA ADMINISTRAÇÃO DO PREFEITO HELENO SILVA”

Vereadora Ivone (PDT)
Na 33ª Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores, 18/06, a vereadora Ivone Feitosa (PDT) usou a tribuna para falar de diversos assuntos, entre eles, o não pagamento da primeira parcela do 13º salário aos servidores públicos.

Continue lendo, clique aqui.

O pagamento do 13º passou a ser tradição no município de Canindé, desde a gestão do ex-prefeito Orlandinho Andrade. Antes, parte do décimo era pago a todos os servidores (efetivos, contratados e comissionados) até o dia 20 de junho, ficando a última parcela para ser paga no final do ano. De acordo com a vereadora, o secretário de Finanças informou que o Município passa por um período de dificuldade financeira e por isso não foi possível cumprir o calendário de pagamento. Para Ivone, essa caos financeiro “é falta de planejamento da administração do prefeito Heleno Silva”.

Repasse da Câmara 

Para Ivone, a falta de organização da administração municipal é tanta, que até o Poder Legislativo receberá seu repasse atrasado. A Constituição Federal diz que o repasse de verbas duodecimais do Executivo Municipal para a Câmara de Vereadores deve ser feito até o dia 20 de cada mês. Ela disse, que a maioria dos edis aceitou receber depois da data oficial, considerando a justificativa do Executivo em atrasa o repasse em virtude de pagar primeiro os contratados. “A situação de Canindé está ficando insustentável”, acrescentou. 

Transporte Escolar

Ivone cobrou do responsável pelo setor do transporte escolar, providências em relação aos motoristas que estão conduzindo alunos a mais da capacidade permitida nos veículos. A vereadora disse que presenciou a superlotação de um veículo em seu povoado, Curituba. Na ocasião, ela solicitou ao motorista que respeitasse a capacidade do veículo, e que não permitisse transportar alunos a mais do que o normal. Para a vereadora, é preciso prevenir e preservar a integridade física dos estudantes, antes que o pior aconteça. 

Segurança Alimentar e Nutricional

Ivone também falou da Conferência Municipal da Segurança Alimentar e Nutricional, que ocorreu na quinta-feira (18/06), ela disse que o tempo de realização da Conferência não foi compatível com a importância do tema: Comida de Verdade no Campo e na Cidade, pelo Direito e Soberania Alimentar. Para ela, evento dessa natureza deve ser mais bem planejado, considerando a grandeza do que pode ser construído em favor da alimentação nutricional da municipalidade. A vereadora disse ainda, que “o tempo foi muito curto, não se discute em 1h20min uma temática tão importante para o Município”. 

Matadouro 

Ivone falou da problemática que envolve o Matadouro Municipal, que atualmente funciona por conta de uma liminar. E, que em breve será interditado por conta das habitações construídas ao seu redor. Para ela, o problema do avanço desordenado da urbanização naquele local era pra ser encarado com prioridade pela Prefeitura e Câmara de Vereadores, minimizando assim os transtornos para o Município.

Título de Cidadão 

A parlamentar apresentou a indicação para o projeto de lei que concede Título de Cidadã Canindeense à Jornalista Damiana Alves. Para Ivone, Damiana já prestou serviços relevantes para a sociedade canindeense, e por isso merece a honraria.

Finalizando sua fala, Ivone disse que na próxima terça-feira (23/06), o Poder Legislativo apreciará dois projetos de lei importantes para o desenvolvimento de Canindé: o Plano Municipal da Educação, e a transformação da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito em uma Autarquia. 

Por Valdir Inácio
Formado em Gestão Pública
Blogueiro Diário da Cidade e Política
Com informações da ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo/a, agradecemos pela sua visita e comentário.