sexta-feira, 18 de julho de 2014

Oposição trabalhou para atrasar o Proredes, diz Gustinho


Foto/Divulgação
SERGIPE, CanindéO deputado estadual Gustinho Ribeiro (PSD) disse quarta-feira (16/07), que a Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe já comunicou ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) a provação que aconteceu na Casa, mesmo depois de vários embates entre oposição e situação, do Programa de Fortalecimento das Redes de Inclusão Social e de Atenção à Saúde (Proredes).



por Universo Político

“O BID já comunicou que foi aprovado lá. Agora o governo está se organizando para entrada do empréstimo. A maior parte desses investimentos será realmente para a área da saúde. O governo lutou e a oposição trabalhou para atrasar o ProRedes. A gente sabe que a saúde é um setor complicado da administração e precisamos de políticas públicas como esta fazendo com que a saúde melhore cada vez mais.

O deputado ressaltou que, ao longo desses quase oito anos de governo, iniciado pelo saudoso governador Marcelo Déda (PT), e tendo continuidade com Jackson Barreto (PMDB), o estado foi beneficiado com várias iniciativas governamentais. “ Foi o governo que mais investiu na história de Sergipe. Nos quatro cantos do estado tem uma clínica do nosso governo e os hospitais regionais, que desafogou o atendimento no HUSE. O Sistema Único da Saúde (SAMU) contempla 100% do Estado. Sabemos que mesmo com todos esses investimentos precisamos melhorar”.

Sobre as eleições para deputado estadual, que tem se desenhado bastante concorrida no cenário político sergipano, Gustinho observou que existem nomes competitivos na disputa que já têm uma longa história e resolveram lutar por uma cadeira na Alese neste ano.

“Eu acho democrático. A partir de agora a população vai conhecer melhor os candidatos e começar a compreender melhor a proposta de cada um. São opções para o Estado, o que é importante para a renovação do parlamento, tanto estadual quanto federal. Nomes que irão participar da articulação de projetos em benefício da sociedade”.

O deputado, que também tenta a reeleição este ano, se mostrou otimista para o pleito, demonstrando que tem conseguido aglutinar e construir um leque de aliados. “ Prefeitos, líderes sindicais, movimentos estudantis, lideranças diversas. O sentimento da população traduz que é preciso ter representantes que simbolizem o povo. São pessoas que têm a políticas como vocação. Eu acho que temos essa grande missão. Eu me considero um soldado desse exército que o povo pede”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo/a, agradecemos pela sua visita e comentário.