segunda-feira, 5 de maio de 2014

I TORNEIO DO TRABALHADOR: BAIRRO OLARIA E TORRE SE UNEM E FORTALECEM ADEBOT

SERGIPE, Canindé“Não queremos apoio da Prefeitura e nem da Secretaria de Esporte”, disseram.









por Adeval Marques/RC, da redação 

Por iniciativa da ADEBOTE-Associação dos Bairros Olaria e Torre, que tem novo Presidente, Nivaldo Alves, foi idealizado o I Torneio do Trabalhador que reuniu dezesseis de diversas localidades de Canindé. 

Sob chuva, desde o inicio do torneio que finalizou com a entrega dos prêmios já no inicio da noite, 18hs, o evento aconteceu sem que fosse registrado nenhuma alteração entre as equipes ou os torcedores que acompanharam as partidas sob a locução do radialista veterano Rodrigues Filho, 21 anos de rádio em Canindé.

O evento foi organizado pela direção da ADEBOTE, Nivaldo Alves, Marcio Marinho, Cicinho, Zé Grande, Gata Magra, Miguel Dantas e outros que ajudaram a fazer o brilhantismo do evento. 

Os patrocínios em carneiros, bolas e outros foram doados pelo ex-prefeito Orlando Porto de Andrade “Orlandinho”, vereadores Rildo Joaquim e Ronildo Bezerra, Secretário de Planejamento Breno George, Ex-vereador Wilton da Nova Vida e outros patrocinadores. A direção doe evento agradeceu e disse que não houve patrocínio por parte da Prefeitura Municipal de Canindé de São Francisco.

Na ocasião a direção do evento, vários atletas e torcedores criticaram a Prefeitura Municipal que, na menção deles, não vem contribuindo para a continuidade e tradição do esporte na comunidade do bairro Olaria que é uma das mais antigas em termos de tradição no município e onde mantém o maior número de times. Para eles o esporte de futebol de campo em Canindé já não existe mais no município depois da mudança de gestão. 

A direção da ADEBOTE e outros apoiadores também informaram que, dessa data em diante, não mais tem interesse em ter o apoio da Prefeitura Municipal e muito menos da Secretaria de Esportes. Eles chamaram a atenção para o fato de que é a segunda vez que realizam um evento dessa natureza e o Prefeito Heleno Silva não compareceu e nem enviou um representante. Justamente em um evento que teve a organização e apoio de pessoas que lutaram para lhe colocar no poder. Disse Erivaldo de Paula reforçada por alguns Presidentes de clubes que estavam presentes. “É triste ver que a nossa comunidade só serve para ajudar a colocar no poder essas pessoas que não dá atenção para nossa realidade e sustentam a discriminação para conosco”, falou uma das figuras que estavam presentes usando dos microfones e fazendo seus questionamentos. 

O evento conseguiu reunir, mesmo com chuvas, um número de aproximadamente trezentos e quarenta pessoas. Para eles, nessa questão, tanto o Prefeito Heleno Silva como o Secretário Edimilson Balbino Filho “Missinho Balbino”, viraram as costas para o esporte de futebol de campo em Canindé e nesse evento não foi diferente. Vários depoimentos de pessoas no microfone demonstraram indignação com a atual política de gestão e para com a atenção no esporte de futebol de campo, mesmo com o bom trabalho que a Secretaria fez para o futsal. 

Várias entrevistas com os dirigentes de clubes e outros que são amantes do esporte local foi feito pela Canindé Rádio Web e será exibida na segunda-feira às 08hs da manhã com reprise. É merecedora de reflexão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigo/a, agradecemos pela sua visita e comentário.